Corpo de ex-ginasta é velado em Toledo

Toledo (PR) – O corpo da Ana Paula Scheffer, ex-atleta da seleção brasileira de ginástica rítmica, começou a ser velado na manhã deste sábado (17), na Catedral Cristo Rei, emToledo, no oeste do Paraná. Ana Paula tinha 31 anos, foi medalhista nos Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro, em 2007, e trabalhava atualmente como técnica. Ela foi encontrada morta em casa na sexta-feira (16).

De acordo com a família da ex-ginasta, a previsão é que o corpo seja enterrado no domingo (18) pela manhã.

Morte

Segundo a família, Ana Paula Scheffer estava deitada na cama do quarto quando foi encontrada, por volta das 12h de sexta-feira pela mãe dela, Sonia Scheffer.

De acordo com a mãe, a filha não estava doente e não reclamava de dores no corpo.

Trajetória

Ana Paula Scheffer começou a treinar quando era criança na equipe de ginástica rítmica de Toledo. Ela representou o município em várias competições nacionais e internacionais, com destaque na categoria individual.

Enquanto jovem, conquistou medalhas em campeonatos paranaenses e brasileiros, integrou a Seleção Brasileira de Ginástica Rítmica de 2005 a 2015.

À época, participou de quatro campeonatos mundiais, além dos Jogos Pan-Americanos no Rio de Janeiro.

Após encerrar a carreira como atleta, passou a atuar como técnica da equipe na cidade vizinha, em Cascavel.

Medalha no Pan de 2007

Ana Paula recebeu medalha de bronze no aparelho Arco, nos Jogos Pan-Americanos no Rio de Janeiro, em 2007.

Segundo a Confederação Brasileira de Ginástica, Ana Paula também trabalhou como treinadora nas seleções transitórias de Ginástica Rítmica Individual e de Conjunto.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *