Ifes lança curso de ensino Maker para professores da Rede

“Educador Maker – primeiros passos” foi criado para preparar docentes que trabalharão nos mais de 100 laboratórios de prototipagem (IFMaker) que serão implantados a partir deste

Aprender, fazendo, gera nos estudantes habilidades criativas, de inovação e solução de problemas. Para incentivar essa abordagem na Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, o Ministério da Educação (MEC) está investindo em laboratórios de prototipagem, denominados IFMaker. No total, serão destinados R$ 25 milhões em dois anos, com a previsão da implementação de mais de 100 laboratórios a partir de 2020

Para melhor eficácia da ação, ela está acompanhada pela oferta de cursos para os professores da Rede Federal se capacitarem na utilização dos recursos proporcionados pelo espaço. Nessa terça-feira (18), ocorreu a aula inaugural do primeiro curso, denominado “Educador Maker – primeiros passos”, oferecido pelo Instituto Federal do Espírito Santo (Ifes). O curso é aberto, também, a outros profissionais da Educação interessados no tema. Ele ocorre numa plataforma MOOC (em inglês, Massive Open Online Courses), ou seja, tem a característica de cursos massivos, abertos, sem um limite de estudantes, on-line e gratuitos. O estudante começa quando quiser e conclui no seu próprio ritmo.

“O projeto não é somente a aquisição de equipamentos e de espaços que vão abrigar esses equipamentos, mas a construção de capacidades institucionais e metodologias que venham a contribuir para esse conceito importante de prototipagem, de desenvolvimento de soluções baseadas em problemas reais”, destacou o secretário de Educação Profissional e Tecnológica do MEC, Ariosto Culau, durante o evento de lançamento da nova capacitação. Segundo o secretário, a ação dialoga com várias ações do programa Novos Caminhos que têm, como foco, a promoção do empreendedorismo e da inovação na Rede Federal.

Com foco nesse resultado, todas as instituições que receberão os laboratórios se comprometeram a incentivar a capacitação dos servidores em um projeto de formação denominado “Formação de Educadores para Atuarem em Espaços Maker”, que envolve o curso lançado ontem e outro: “Aprendizagem Baseada em Projetos em Espaços Maker”, ainda em elaboração.

O curso “Educador Maker” tem como objetivo geral levar educadores a refletirem sobre o papel da Cultura Maker na Educação como meio, e não como fim ao processo de aprendizagem para atender às demandas do século XXI. Com carga horária de 30 horas, ele é destinado a profissionais da área de Educação que tenham interesse em conhecer os princípios básicos da Cultura a serem utilizadas na Educação e servir de base à implantação de laboratórios Maker. As inscrições podem ser realizadas por meio da Plataforma MOOC do Ifes, pelo link: https://mooc.cefor.ifes.edu.br/.

*Com informações da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) do Ministério da Educação (MEC).

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *