Fernando Haddad sofre nova derrota

Perder a eleição do segundo turno no último domingo, 28, para o então candidato Jair Bolsonaro (PSL), não foi a derrota a mais recente do ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT). O Tribunal de Justiça de São Paulo condenou Haddad a pagar R$ 200 mil reais de indenização ao promotor do Ministério Público de São Paulo, Marcelo Milani.

Na época, prefeito da capital paulista, Fernando Haddad acusou o procurador de ter pedido R$ 1 milhão em propina para não mover ação. A Corregedoria do Ministério Público e do Tribunal de Justiça de São Paulo investigaram a acusação, mas o ex-presidenciável petista não conseguiu comprovar suas acusações

Segundo a assessoria de Haddad, ”enquanto prefeito de São Paulo, a atuação dele se restringiu a comunicar supostas irregularidades às autoridades cabíveis, sob pena de ser conivente com a situação”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *