‘Foi o último dia triste’, afirma Bolsonaro

Na manhã desta quinta-feira (28), na saída do Palácio do Alvorada, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) criticou o inquérito no Supremo Tribunal Federal (STF) e a ação da Polícia Federal de quarta (27), que investiga crimes de propagação de notícias falsas na internet.

“Foi um dia triste da nossa história, mas que foi o último. O povo tenha certeza, foi o último dia triste. Nós queremos a paz, harmonia, independência e respeito. E democracia acima de tudo”, afirmou o presidente a jornalistas.

“Nunca tive a intenção de controlar a PF. Pelo menos, para isso serviu ação de ontem. Mas, obviamente, ordens absurdas não se cumpre e nós temos que botar um limite nessas questões”, alertou o presidente, criticando operação sem a anuência da Procuradoria-Geral da República..

“Invadir casas de pessoas inocentes, submetendo a humilhações perante esposas e filhos, isso é inadmissível”, concluiu Bolsonaro.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *