Bolsonaro terá que explicar exoneração de Valeixo

A Justiça Federal de Brasília deu um prazo de 72 horas para que o presidente Jair Bolsonaro explique os motivos que o levaram a exonerar o diretor-geral da Polícia Federal, Murício Valeixo (foto).

A demissão de Valeixo gerou uma crise no Governo, o que levou o ex-juiz federal, Sérgio Moro, a pedir demissão do Ministério da Justiça. Moro ao deixar o cargo acusou o presidente Bolsonaro de tentar interferir nas investigações da PF.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *