Mandetta: Esse negócio de quarentena foi precipitado

Após elogiar o pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro criticando o confinamento em massa da população, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, disse que houve precipitação em quarentenas decretadas nos estados. O ministro defendeu que a medida seja feita em coordenação com o Ministério da Saúde, no tempo e locais certos.

“Tem duas maneiras de se fazer eventuais quarentenas. Tem essa que é a horizontal. Tem uma que é chamada vertical, quando você fala que o risco do pessoal abaixo de 49 anos é tão baixo, que se tiverem um bom comportamento social, você pode evitar. Tem um bando de gente estudando aqui, com salas de situação, tem epidemiologistas daqui, de fora. Está tudo bem.”

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *