Argentina se transforma na ‘nova Venezuela’

O ministro da Economia, Paulo Guedes, reclamou nesta quarta-feira (14) do posicionamento da Argentina no Mercosul. Ele afirmou, durante transmissão do Valor Econômico, que o país está seguindo o mesmo caminho da Venezuela, ao tentar impedir a modernização do bloco.

Paulo Guedes disse que, se pudesse, reduziria unilateralmente as alíquotas de importação usadas pelos integrantes do bloco no comércio com terceiros mercados, através da Tarifa Externa Comum (TEC), com ou sem os argentinos.

“Gostaria de fazer isso em uma semana e unilateralmente, se for o caso, mas não podemos deixar que o Mercosul se transforme num fator de atraso. A Argentina está indo para um caminho que não apreciamos, que é um caminho que a Venezuela já trilhou e não queremos seguir”, afirmou.

Recentemente, A Argentina rejeitou a proposta do Brasil de reduzir a TEC em 20%, sendo 10% agora e o restante no fim do ano. Guedes ressaltou que o Uruguai apoiou o governo brasileiro e o Paraguai ficou “em cima do muro”. Pelas regras do Mercosul, as mudanças no bloco só podem ser feitas se houver consenso entre os quatro membros.

*Com informações da Folha da República.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *