FHC se diz “arrependido” por não ter votado em Haddad em 2018

O tucano vermelho, Fernando Henrique Cardoso, disse estar “arrependido” por não ter votado no companheiro de militância Fernando Haddad (PT) nas eleições de 2018 na disputa da Presidência da República. Ele também afirmou que foi a “última vez que anulou o voto”.

FHC, defensor de causas esquerdistas, teve atritos com o PT ao longo do seu mandato, mesmo estando no mesmo front ideológico.

O ex-presidente admitiu que pode votar no PT em 2022 caso Bolsonaro vá para o segundo turno com algum candidato petista.

“Teria sido melhor algum outro? Provavelmente, sim. Pergunta se eu me arrependo? Olhando para o que aconteceu com o Bolsonaro, me dá um certo mal-estar não ter votado em alguém contra ele”, afirmou em entrevista à revista Época.

FHC, um dos nomes do Fórum de São Paulo, tem cada vez mais se aproximado do ex-presidiário Lula da Silva, na esperança de derrotar Bolsonaro em 2022.

*Com informações da República de Curitiba/RN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *