FHC ‘corta a cabeça’ de Dória e apoia Aécio Neves

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso criticou o comportamento do seu correligionário João Doria (PSDB), governador de São Paulo, que recentemente tentou assumir o controle do partido e até expulsar o deputado Aécio Neves (MG), ex-presidente do partido. Dória acabou isolado no próprio partido e acabou provocando o lançamento da pré-candidatura do governador gaúcho Eduardo Leite (PSDB) a presidente.

“O apressado come cru”, disse FHC referindo-se à atitude agressiva governador na tentativa de viabilizar sua candidatura ao Palácio do Planalto.

O ex-presidente avisou que “é um engano imaginar que alguém pode afastar Aécio Neves do partido. “A expulsão não tem sentido”, afirmou.

Fundador do PSDB e político experiente, FHC criticou também a ansiedade de Doria para se viabilizar candidato a presidente. Para definir a candidatura do PSDB em 2022, “vamos observar para ver quem será capaz de unir forças”, disse. O ex-presidente disse ainda que o partido precisa examinar também a hipótese de apoiar uma candidatura mais viável de outro partido, sem especificar a agremiação.

FHC foi entrevistado no Jornal Gente, da Rádio Bandeirantes, pelos jornalistas Thays Freitas, Pedro Campos e Cláudio Humberto.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *