Engenheiros criam sabre de luz de plasma

Os engenheiros por trás do canal do YouTube “The Hacksmith” criaram o sabre de luz de “Star Wars” no mundo real que é quente o suficiente para derreter aço e até titânio em segundos.

James Hobson, o chefe da equipe, afirma que é o “primeiro sabre de luz retrátil baseado em plasma do mundo” e nós não vamos argumentar com ele sobre esse aspecto.

Eles fabricaram um punho no estilo steampunk que gera um fluxo laminar usando gás propano líquido comprimido misturado com oxigênio, que queima a impressionantes 2.200°C.

Para realizar uma queima de forma tão específica, a equipe utilizou “bicos laminares”, que geram um fluxo laminar extremamente concentrado de gás, formando um feixe de plasma. Esses bicos são caríssimos. Eles utilizaram um modelo que custa US $ 4.000, normalmente usado para derreter vidro.

Para criar cores diferentes foram adicionados alguns químicos específicos que alteram a cor do feixe de plasma em amarelo, verde, vermelho…

Para atingir essa temperatura obviamente o sabre de luz precisa de muita energia. Para recriar a energia produzida pelos sabres de luz que vemos em Star Wars seria necessário a energia de uma usina nuclear. Como essa opção não estava disponível os engenheiros utilizaram gases altamente inflamáveis.

O poder da “arma” é impressionante derretendo com facilidade aço e até titânio, como você pode ver a seguir.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *