Próximo presidente do STF se reúne com Maia e Alcolumbre

A reunião ocorreu na esteira dos rumores de que os dois articulam para que o Supremo permita que ambos concorram a reeleição

O ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), se reuniu nesta quinta-feira (27) com os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP). Oficialmente, Fux entregou aos chefes das Casas do Poder Legislativo o convite para sua posse na presidência da Corte, prevista para 10 de setembro.

Na semana passada, eles jantaram com o ministro Alexandre de Moraes em São Paulo. Apesar de confirmar o encontro, o presidente da Câmara nega que o assunto tenha sido tratado.

A expectativa é que o debate sobre a recondução de Maia e Alcolumbre fique para a gestão de Fux. O magistrado tem demonstrado incômodo com a possibilidade de, logo no início do seu mandato, ter de pautar o assunto. Para ele, seria melhor que o processo fosse julgado ainda sob a presidência do ministro Dias Toffoli.

O debate no Supremo deve ocorrer em uma ação apresentada pelo PTB, que pediu para que a Corte proibisse a possibilidade de reeleição dos presidentes da Câmara e do Senado.

Os mandatos dos presidentes do Senado e da Câmara encerram-se em fevereiro de 2021, quando haverá novas eleições para as mesas diretoras das duas Casas.

Apesar de a Constituição , de quem são expressamente a possibilidade de reeleição na mesma legislatura – período de quatro anos entre uma eleição e outra –, uma ala da Corte vê com bons olhos a possibilidade de Maia e Alcolumbre permanecerem no comando do Legislativo, pois estariam conseguindo barrar as ações do presidente Jair Bolsonaro, de quem são adversários  políticos.

As reeleições fazem parte de um plano para pavimentar uma candidatura de centro para a presidência  da República  em 2022.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *