Câmara apressa votação da liberação da maconha

A Câmara dos Deputados pode votar a qualquer momento o Projeto de Lei 399/2015, que abre “brechas” para a plantação e o uso recreativo da maconha no Brasil.

Os defensores do PL querem aprovar o plantio, a importação e a exportação de maconha imediatamente no Brasil, sob o argumento que vai ajudar crianças que sofrem de epilepsia.

Regulamentação

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) já regulamentou a questão de medicamentos à base de canabidiol, inclusive com a dosagem mínima de tetra-hidrocanabinol (THC).

Os opositores do PL afirmam que querem tornar o Brasil o maior produtor e exportador de maconha do mundo. O senador Eduardo Girão (Podemos/CE),  entende que legalizar uma droga que vicia, pode trazer riscos, principalmente para a juventude.

“Acredito que esse projeto é uma forma sorrateira de tentar favorecer o poderoso lobby do narcotráfico, para liberar o uso recreativo da maconha.”, comentou o senador.

“Estão apressando a votação para evitar debate e possíveis polêmicas em torno do assunto”, finalizou Girão.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *