Sinais de Aras apontam para o xeque-mate em ministro do ‘Olimpo’

O “abate” do senador José Serra (PSDB) na sexta-feira (3), é um claro sinal que a Lava Jato está sendo fortalecida. O procurador-geral da República, Augusto Aras parece ter descoberto uma rede de proteção a políticos pela República de Curitiba.

A Operação Revoada não vai parar no tucano. Há indícios que outros nomes estão na mira. “Personalidades” como Botafogo, Mineirinho e outros menos “iconcorridos”  podem cair a qualquer momento.

O que dá pra perceber é que Aras decidiu partir com tudo pra cima dos tucanos e adjacências.

Augusto Aras pode estar preparando um xeque-mate no ministro mais poderoso (…sic…) e polêmico do país.

Revolta

A indignação dos procuradores da Força-Tarefa da Lava Jato na capital paranaense está exalando um odor suspeito. Alguns membros do grupo já pediram para deixar a Operação enquanto outros esbravejam nas redes sociais alegando que Bolsonaro e Aras querem acabar com a Lava Jato.

Será que é isso que a Operação em curso incomodou os nobres procuradores do Paraná?

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *