Daniela Assayag deixa Secretaria de Comunicação

A jornalista Daniela Assayag entregou no fim da tarde deste domingo (5), o cargo de secretária de Comunicação do Governo Wilson Lima., depois do escândalo envolvendo o seu marido, Luiz Carlos Avelino Jr., sócio  da Sonar, empresa responsável  pela vendacom de respiradores superfaturados.

Em nota, a jornalista diz que sua saída permitirá que a apuração dos fatos ocorridos na última semana possa se realizar com seriedade e profundidade.

Confira o texto na íntegra:

“Na tarde deste domingo, entreguei ao governador meu pedido de exoneração. Acredito que minha saída da Secretaria de Comunicação permitirá que a apuração dos fatos ocorridos na última semana possa se realizar com seriedade e profundidade. E que sejam esclarecidas as ilações sobre atitudes e comportamentos não condizentes com a minha prática profissional.

Reafirmo a certeza de ter exercido o meu papel com todos os requisitos técnicos e éticos exigidos no cumprimento de minha função frente à Secretaria de Comunicação deste Governo.

Espero que minha atitude represente, mais uma vez, meus princípios de lutar pela apuração dos fatos com veracidade e justiça.”

Esquema

De acordo com o presidente  da CPI, Delegado Péricles, o marido de Daniela, Luiz Carlos Avelino Jr, é sócio da Sonoar Equipamentos, empresa envolvida na venda dos respiradores. Conforme o deputado, Avelino tem 50% das cotas societárias desta empresa. A outra sócia da empresa, Renata Dias Mansur Silva estava presa em São Paulo..

A Sonoar adquiriu a totalidade dos equipamentos vendidos por R$ 1.092.000,00 (1 milhão), vendeu à FJAP por R$ 2.480.000,00 (R$ 2,4 milhões) e esta por vez vendeu para o governo do amazonas por R$ 2.976.000,00 (R$ 2,9 milhões).

Afastamento

A CPI da Saúde já  tinha pedido o afastamento de Daniela Assayag do Governo.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *