PF deflagra Operação contra políticos e empresários

Manaus (AM) -Depois de perícias realizadas em celulares e computadores dos suspeitos identificados na Operação “Custo Político”, que identificou trocas de mensagens entre os investigados e descobriu mais empresários, advogados e políticos envolvidos no esquema de corrupção, a Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira, 11/10, a Operação “CashBack” para cumprir 16 mandados de prisão e 40 de busca e apreensão no condomínio de luxo Ephigênio Sales, na Zona Centro-Sul de Manaus, e em outros pontos da cidade. Ao todo, 150 agentes da Polícia Federal estão envolvidos na ação.

Entre os presos, estão o ex-presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas, Lino Chíxaro, e os empresários Murad Aziz, irmão do senador Omar Aziz.  e Sérgio Bringel, o maior fornecedor de medicamentos no Amazonas. A PF esteve na casa de um deputado federal fazendo buscas e apreensões.

Custo Político’

A Operação “Custo Político” investigou uma quadrilha suspeita de desviar mais de R$ 200 milhões de verba destinada à saúde no Amazonas. A “Custo Político”, prendeu o ex-governador José Melo e ex-secretários de saúde, em dezembro de 2017.

O grupo teria ligação com o empresário e médico Mohamed Mustafá – dono de uma cooperativa de saúde e apontado como chefe esquema. Conforme a investigação, Mustafá ganhava licitações para prestar serviços em troca de pagamento de propina a políticos e funcionários públicos.

Relação de presos na Operação CashBack

Prisão Preventiva

Lino Chíxaro
Murad Abdel Aziz
André Luíz Barreto Beça
Sérgio Roberto Melo Bringel
Josenir Teixeira
Keytiane Evangelista de Almeida

Prisão Temporária

Mouhamad Moustafá
Daniel Roger Goulart Filho
Edson Tadeu Ignácio
Jader Helker Pinto
Jonathan Queiroz da Silva
Márcio Rogério da Silva
Marco Antônio Jesus da Costa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *