Flamengo humilha o Bahia em Pituaçu e entra no G6

Foi um baile no Estádio do Pituaçu. Neste domingo (18), com três gols de Gabigol, um de Pedro e um de Vitinho, o Flamengo humilhou o Bahia pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro.  O resultado fora de casa leva o Flamengo ao G6, na sexta colocação, com 18 pontos, mas com dois jogos a menos.

O Flamengo conseguiu ser dominante desde o primeiro minuto. Teve volume, posse de bola no campo de ataque e empilhou chances, construídas dos dois lados – mesmo com a marcação baixa do Bahia.

E foi na base da imposição que Arrascaeta recebeu em boa trama até ser parado por Nino: pênalti. Para variar, Gabigol, ao seu melhor estilo, fez Matheus Teixeira entrar para a estatística ao fazer dele mais um goleiro que nem sequer sai na foto. Só nesta temporada, foi o sétimo pênalti convertido por Gabi com o mesmo roteiro.

Próximos compromissos

O Bahia volta a campo para jogar no próximo domingo, contra o Atlético-MG, fora e pela 13ª rodada do Brasileirão. O Flamengo também joga domingo pelo campeonato nacional, contra o São Paulo, em casa, mas antes tem a missão de atuar pela volta das oitavas da Libertadores. Em Brasília, enfrentará o Defensa y Justicia, em Brasília, com público e a vantagem de iniciar com 1-0 no agregado.

Ficha Técnica:

BAHIA 0X5 FLAMENGO – 12ª RODADA DO BRASILEIRO

 Estádio: Estádio de Pituaçu, em Salvador (BA)

 Data e hora: 18 de julho de 2021, às 18h15 (de Brasília)

 Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa-GO)

 Assistentes: Fabricio Vilarinho da Silva e Bruno Raphael Pires (ambos Fifa-GO)

 Árbitro de vídeo: Igor Junio Benevenuto de Oliveira (MG)

 Cartões amarelos: Matheus Bahia, Gilberto, Galdezani, Edson (BAH) / Diego Ribas (FLA)

 Cartões vermelhos: –

 GOLS: Gabigol, 22’/1ºT (0-1), 41’/1ºT (0-2), 16’/2ºt (0-3); Pedro, 28’/2ºT (0-4); Vitinho, 38’/2ºT (0-5).

 BAHIA (Técnico: Dado Cavalcanti)

Matheus Teixeira; Nino, Conti, Ligger e Matheus Bahia (Juninho Capixaba, intervalo); Patrick de Lucca (Edson, 33’/2ºT), Galdezani (Lucas Araújo, 33’/2ºT) e Thonny Anderson (Maycon Douglas, 15’/2ºT); Rossi, Rodriguinho (Pablo, 22’/2ºT) e Gilberto.

FLAMENGO (Técnico: Renato Gaúcho)

Diego Alves, Isla (Rodinei, 33’/2ºT), Gustavo Henrique, Léo Pereira e Filipe Luís (Renê, 18’/2ºT); Willian Arão, Diego Ribas (Gomes, 18’/2ºT), Everton Ribeiro e Arrascaeta; Gabigol (Pedro, 18’/2ºT) e Michael (Vitinho, 24’/2ºT).

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *