Peru pode ser excluído da Copa 2018

Segundo o jornal Libero, existe a chance do Peru ser excluído da Copa do Mundo de 2018, sendo substituído por Itália ou Chile, que ficaram pelo caminho nas eliminatórias e, ao menos na teoria, estão fora do próximo Mundial.

Isso ocorreria se for aprovado um projeto apresentado pela congressista Paloma Noceda, no qual a Federação Peruana de Futebol (FPF) perderia sua autonomia e passaria a ser controlada pelo Governo.

Como a Fifa não permite ingerência governamental nas Federações associadas, o Peru seria automaticamente desfiliado da entidade, abrindo caminho para o Chile (atual 10º colocado do ranking da Fifa) ou para a Itália (14ª), que são as duas seleções melhores colocadas no ranking da organização que estão fora da Copa.

“Se uma associação (dos 32 classificados) se retirar ou for excluída da competição, o Comitê Organizador da Fifa decidirá sobre o assunto e tomará as medidas que considere necessárias. O Comitê pode, inclusive, decidir substituir a associação em questão por outra associação filiada”, diz o artigo 7 do regimento da Fifa.

A notícia publicada pelo Libero repercutiu imediatamente na imprensa italiana. O jornal Corriere dello Sport, por exemplo, comentou a possibilidade da Azzurra ir para a Copa da Rússia no “tapetão”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *