Obras de escolas seguem em ritmo acelerado para receber alunos no início do ano letivo de 2021

Manaus (AM) – Para garantir ensino de qualidade aos alunos da rede municipal no início do ano letivo de 2021, a Prefeitura de Manaus investe em Centros Integrados Municipais de Educação (Cimes), escolas de grande estrutura que vão mudar a forma de aprendizagem na cidade. Para assegurar o bom avanço das obras, o prefeito Arthur Virgílio Neto esteve na tarde deste sábado, 7/11, nos Cimes do bairros Lago Azul e Novo Aleixo, ambos na zona Norte.

Antes de visitar os Cimes, o prefeito conferiu os trabalhos que estão sendo executados na escola municipal Júlia Barjona Labre, localizada no bairro São José, zona Leste. A obra segue em bom ritmo, com 65% de execução. “Esta também é uma grande obra que vai dar mais um belo espaço de ensino para alunos da zona Leste. Os trabalhos estão seguindo em bom ritmo, cumprindo o compromisso de entregar, totalmente finalizada, em dezembro deste ano”, disse Arthur Neto.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Da zona Leste, o prefeito seguiu para a zona Norte, no bairro Lago Azul, onde verificou a etapa final da obra do local que, no pico da pandemia do novo coronavírus em Manaus, abrigou o hospital de campanha municipal. “O hospital era de campanha para salvar vidas, não de campanha eleitoral. Agradeço a todos os parceiros que fizeram esse projeto funcionar e salvar mais de 600 vidas da Covid-19, mas chegou o momento de voltar a ser uma grande escola, que vai continuar salvando vidas, por meio da educação”, destacou o prefeito.

No outro Cime visitado pelo prefeito, que segue os mesmos padrões de infraestrutura, no Novo Aleixo, Arthur Neto destacou o compromisso em entregar a nova unidade de ensino ainda este ano. “Esta é uma obra desafiadora, feita por uma empresa competente que estou cobrando todos os dias para entregar até o dia 31 de dezembro. Quero deixar a prefeitura com os cinco Cimes prontos para receberem os novos alunos no ano letivo em 2021”, finalizou.

Sobre os Cimes

Outros três Cimes vão reforçar a rede municipal a partir do próximo ano letivo, atendendo os moradores dos bairros Distrito Industrial 2, Jorge Teixeira e Gilberto Mestrinho, na zona Leste. Cada Cime conta com 24 salas de aula divididas em dois prédios, salas de música, leitura, multiuso, informática, vestiários masculino e feminino, brinquedoteca, jardins e espaços compartilhados, como a quadra de esporte coberta e auditório.

O prédio do ensino fundamental é de dois pisos e oferece uma plataforma elevatória, para pessoas com dificuldades de locomoção. A junção das duas modalidades em um único espaço melhora o acompanhamento dos alunos e promove a continuidade dos estudos da educação infantil ao ensino fundamental.

Os Cimes integram o Projeto de Expansão e Melhoria Educacional da Rede Pública Municipal de Manaus (Proemem), com recursos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), de US$ 52 milhões. Em contrapartida, a prefeitura realizou a construção de sete creches.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *