Centec passa a oferecer certificação por competência a partir deste mês

Manaus (AM) – Não são poucas as pesquisas que apontam falta de mão de obra qualificada para atender o mercado, sobretudo em nível técnico. Por isso, quem possui um diploma nesse patamar já conta com um diferencial em relação aos demais concorrentes para as vagas ofertadas. Atento a essa realidade, além de cursos de formação com duração de 12 a 20 meses, a partir deste mês de novembro, o Centro de Ensino Técnico (Centec) passa a oferecer também a certificação por competência.

A nova modalidade de certificação é amparada na Lei Federal 9394/96 (Art. 41) e válida em todo território nacional, tendo como objetivo reconhecer as habilidades técnicas de trabalhadores que, mesmo não tendo passado por uma qualificação formal, adquiriram, na prática, o conhecimento necessário para o exercício de uma profissão.

Com o certificado de competência em mão, o profissional poderá obter o registro profissional junto a todos os conselhos que regulamentam a atuação no mercado, e ainda participar de concursos públicos, podendo ser melhor remunerado e valorizado. Afinal, até mesmo por exigências para algumas certificações, as empresas estão valorizando cada vez mais quem possui uma diplomação.

“É notório o aumento de profissionais autônomos no mercado, microempreendedores individuais, pessoas que oferecem serviços ou que atuam no mercado com consolidada experiência e que não possuem certificação”, comenta a coordenadora de projeto do Centec, Nathalia Flores, ao justificar porque a escola decidiu oferecer a certificação.

Requisitos para a diplomação

A certificação por competência não está vinculada à oferta de cursos, funciona, de certa forma, como uma ferramenta de igualdade social, dando a quem consegue comprovar notória experiência em sua área de atuação, o devido reconhecimento profissional.

Para requerer a certificação, o candidato precisa primeiramente fazer uma pré-inscrição online, por meio do link https://conteudo.centec-am.com.br/certificacao-por-competencia

A segunda etapa é a entrega da documentação que comprove sua atuação profissional na área desejada. Somente mediante aprovação da análise documental o candidato poderá realizar sua matrícula e fazer prova teórica. Todos que obtiverem o mínimo de 60% de aproveitamento na referida avaliação poderão solicitar a certificação técnica por competência.

“O candidato precisa ter concluído o Ensino Médio e comprovar experiência mínima de dois anos na área em que deseja certificar. A comprovação pode se dar por meio de carteira profissional assinada ou contratos de prestação de serviços com períodos descritos, assim como declarações de empresas, certificado de MEI (Micro Empreendedor Individual), registro de autônomo e até mesmo histórico de ensino superior não concluído (mínimo 5 períodos)”, explica Nathalia Flores.

O Centec oferece a certificação por competência em áreas como gestão e negócios, segurança, infraestrutura, meio ambiente, informação e comunicação, controle e processos industriais. A exceção são as áreas de saúde e estética. O profissional aferido por competência garante os mesmos direitos e obrigações dos profissionais diplomados em ensino técnico regular.

Outras informações sobre o processo para a certificação por competência podem ser obtidas na coordenação pedagógica da instituição, localizada na avenida Djalma Batista, 646, São Geraldo, ou pelos telefones 3249-6078/99223-1580.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *