Rodrigo Maia faz 229 viagens e dá carona para 2.131 ‘malas’

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, perdeu a chance de participar do último filme da saga “Star Wars”.

Em 2019, Maia quabrou o recorde de uso dos jatos da Força Aérea Brasileira (FAB). No total, o presidente da Câmara fez 229 viagens e levou na “bagagem” inacreditáveis 2.131 passageiros. E quem pagou a conta? Claro que fomos nós, os simples mortais.

Maia não é o único a aproveitar a regalia. O uso dos aviões da FAB é restrito ao vice-presidente da República, ministros de Estado e aos presidentes do Supremo, da Câmara e do Senado.

Os presidentes Dias Toffoli (STF) e Davi Alcolumbre (Senado) também aproveitam, mas números de Maia fazem o uso deles parecer irrisório.

Até o dia 3 de dezembro, Dias Toffoli já havia realizado 87 viagens “a serviço” em jatinhos da FAB, na companhia de um total de 1.091 passageiros.

Alcolumbre fez 43 viagens, levando 743 pessoas com ele, entre fevereiro e o início de dezembro, Incluindo passeio nos EUA em plena Black Friday.

Como os custos são sigilosos por envolverem aeronaves militares, os políticos deitam e rolam, sem prestar conta do gasto a quem paga: nós.

Enquanto Rodrigo Maia e Davi Alcolumbre, além de ministros se beneficiam dos impostos pagos pelos trabalhadores, o povo luta para comprar alimentos recheados de impostos.

*Com informações do DP/RN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *