Tuxaua que apoiava invasão é executado no Monte das Oliveiras

Manaus (AM) – O tuxaua Carlos Alberto de Souza, o Mackpak, segundo registro indígena na Funai, da etnia Apurinã, de 44 anos, foi executado a tiros na manhã desta terça-feira (6). Ele foi baleado perto de casa, em um conjunto habitacional no bairro Monte das Oliveiras, na Zona Norte de Manaus.

Mackpak saiu de casa para comprar pão pouco antes das 8h. Depois de caminhar alguns metros pela via, dois suspeitos se aproximaram a pé e atiraram contra o indígena.

Segundo a namorada do tuxaua, ele era a favor da invasão de terras no “Cemitério dos Índios”, que também fica na Zona Norte de Manaus, e sofria ameaças.

O “Cemitério dos Índios”, é uma área de invasão localizada na Zona Norte de Manaus. A disputa pela posse da área é monitorada por órgãos federais.

O corpo do tuxaua foi conduzido ao Instituto Médico Legal (IML). Policiais da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), esteveram presentes no local e colheram informações para dar início às investigações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *