PF prende atual e ex-superintendente do DNIT

Macapá (AP) – Durante a Operação Pedágio, a Polícia Federal prendeu na manhã desta quinta-feira (27), Odnaldo de Jesus Oliveira e Fábio Vilarinho — atual e ex-superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), respectivamente.

Eles são suspeitos de cobrar propina de 3% a 5% do valor das obras contratadas junto a empreiteiras em troca do adiantamento dos pagamentos.

A PF também suspeita que eles cobravam 1% do valor de todas as faturas para atestar a regularidade das obras.

Na operação policial, foram apreendidos seis carros de luxo e, aproximadamente, R$ 60 mil, em espécie.

O esquema

O esquema teria iniciado dentro do órgão em 2015. De acordo com a PF, as investigações apontam que tanto Vilarinho quanto Oliveira “cobravam propina de empresários para agilizar a liberação de pagamentos e atestar a regularidade das obras relacionadas a contratos de manutenção de estradas não pavimentadas no estado do Amapá”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *