Lula ameaça Moro, Dallagnol, ministros do STF e general Villas Bôas

O ex-presidente Lula, em um ato insano, gravou um vídeo na Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba, onde está preso, ofendendo várias autoridades brasileiras: “Vou provar que que Moro, Dallagnol, Villas Bôas e ministros do STF são bandidos”

Primeiro ele atacou ferozmente o ministro Sérgio Moro e o procurador Deltan Dallagnol: “Olha a cara do Moro, ele é mentiroso … um cidadão que olha de cabeça baixa é mentiroso … é mentiroso também o Dallagnol …”

Logo após, ele desafiou o ex-comandante do Exército, general Villas Bôas, e os ministros do STF:

“Eu quero que o Moro saiba, quero que os ministros da Suprema Corte saibam, quero que o general Villas Bôas saiba … eu estou aqui porque eu quero … o jeito de eu ajudar a colocar bandido na cadeia, é ficar aqui … é daqui de dentro que eu quero provar que eles são bandidos e eu não …”
E pra finalizar, o ex-presidente garante que se afastou das bebedeiras desde 1974:

“Eu duvido ter um brasileiro que diga que depois de 1974 me viu bêbado “

Em 6 de abril de 2018 – um dia antes de ser preso pela PF
Durante uma suposta ‘missa’ que ocorreu no Sindicato dos Metalúrgicos, em São Bernardo, Lula foi flagrado completamente bêbado, fato criticado até por petistas.
Pois bem …

Num vídeo que viralizou na internet, Gleisi Hoffmann dá uma ‘fungada’ no cangote de Lula e diz que ele está com cheiro de cachaça.

Confira o vídeo:

 

Fonte: Diário do Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *