Deputado critica investimento do Governo do Estado em publicidade

O deputado Sabá Reis (PR) criticou, na manhã desta quarta-feira (25), durante o Pequeno Expediente na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), a decisão do Governo do Estado em investir cerca de R$ 44 milhões do orçamento em serviços de publicidade. Esse valor foi divulgado no Diário Oficial do Estado, na edição do último dia 17 de outubro, que informou ainda o nome das empresas Meme e Portella Publicidade, Kintaw Desing e Publicidade e View 360º Publicidade e Comunicação Integrada como as vencedoras do processo licitatório.

O parlamentar se posicionou contrário ao pagamento desse valor, o qual considerou “desnecessário”, e na opinião do deputado, deveria ser investido na saúde, com investimento e aparelhamento dos hospitais públicos estaduais. “Isso é uma publicidade educativa ou de informação”, destacou, afirmando ainda que esse dinheiro será utilizado para “culto à personalidade”.

Em relação ao que chamou de “precariedade” no atendimento de saúde no Estado, o deputado deu como exemplo a situação do Instituto da Mulher Dona Lindú, referência no atendimento à mulher, localizado na zona Centro-sul da capital. Reis pediu que fosse exibida no telão uma reportagem veiculada pelo Jornal do AM, na edição da última segunda-feira (23), que registrou as reclamações das pacientes ou acompanhantes que relataram desde a falta de limpeza nos banheiros do hospital até a demora ou falta de atendimento na unidade hospitalar. “Se continuar colocando o dinheiro para publicidade, é claro que vai continuar faltando remédio, médico para fazer uma curetagem, e até mesmo papel higiênico”, afirmou.

 

Deixe uma resposta