Cientistas decifram a famosa ‘Carta do Diabo’

Durante anos, séculos, vários cientista tentavam decifrar a famosa Carta do Diabo, escrita por uma freira chamada Irmã Maria Crossifissa dela Concezione, que residia em um convento na cidade italiana Palma di Montechiaro.

Suas cartas continham vários símbolos nunca vistos em toda a história da humanidade, todas as freiras daquele convento acreditavam que eram mensagens demoníacas, com o passar do tempo acreditava-se que era um ritual para retirar a virgem Maria de perto de Deus.

Mas só agora pesquisadores da Sisilia, relatam que descobriram todas aquelas mensagens das cartas da freira, usando um código de desciptografia encontrado no lado mais profundo e obscuro da internet, a Dark Web. De acordo com algumas pessoas esse lado é onde ficam as coisas mais absurdas que você pode encontrar na internet, como acesso a drogas, armas, jogos mortais, coisas sobrenaturais entre outros.

Os cientistas ainda afirmaram que se prepararam para fazer uma comparação entre varia línguas diferentes, desde as mais antigas, até as atuais, mais o que mais impressionou os especialistas, foi o fato de a língua ser uma criação de uma coisa mais atual.

Nas decifrações estavam a seguinte mensagem: “Deus foi inventado pelo homem, e pensa que ele pode liberar mortais, mas esse sistema não funciona pra ninguém.” Os cientistas afirmaram que a freira teria entrado em uma esquizofrenia e por isso ter inventado os códigos, devido a sua condição de saúde.

Segundo os especialistas, depois das descobertas muitas pessoas entraram em contato com eles, principalmente seitas satânicas, mas eles não se interessavam, relatando que mesmo decifrando, o conteúdo foi vago, que era mais fácil da irmã está passando por um transtorno bipolar.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *