Temer manda extraditar Battisti

O presidente Michel Temer decidiu esta tarde que o terrorista italiano Cesare Battisti será mesmo extraditado para a Itália, onde o espera o cumprimento de pena de prisão perpétua.

A extradição atende apelo do governo italiano e só depende, agora, da palavra final do STF, que já tinha decidido que o ato em si era de atribuição exclusiva do presidente.

A defesa de Cesare Battisti enviou a O Antagonista nota em que considera “imprescindível” que ele seja ouvido em “qualquer procedimento tendente a reabrir a discussão sobre sua extradição”.

“Ele sequer foi intimado para isso”, informa o advogado Igor Tamasauskas. Ele alega que a revisão da decisão de Lula de manter Battisti “não é mais possível, pelo decurso do prazo e por não se verificar qualquer vício na decisão”.

 

Deixe uma resposta