Criança de dois anos lidera tribo de macacos

ÍNDIA – Samarth Bangari, de dois anos, passa horas a brincar com uma tribo de macacos que todos os dias se desloca para o seu quintal. Os aldeões acreditam que a devoção dos animais pelo menino é algo sobrenatural e apelidam a criança de “Deus”.

De acordo com o Mirror, todos os dias, às 07h00, os primatas entram no quarto da criança para a acordar e brincar com ela antes que parta para o infantário.

Os pais do menino afirmam que a primeira coisa que Samarth faz quando chega a casa ao final da tarde é “correr para a cozinha e encher os bolsos com cereais e arroz para partilhar com os amigos de cauda”.

A amizade invulgar atribuiu ao menino o estatuto de divindade e os populares acreditam que a facilidade com que interage e aparenta perceber os animais é causada por Samarth ser a “reencarnação de Deus”.

A relação é apoiada pelos pais da criança que “ficam descansados” em deixar o filho a brincar com os macacos.

“Ele brinca com eles, alimenta-os com comida que fazemos em casa. Os macacos adoram o menino e até quando ele puxa o rabo aos animais, estes não lhe fazem qualquer mal”, afirmou a mãe de Samarth que deixa o menino com as peculiares ‘amas’ enquanto faz as tarefas domésticas.

A amizade entre os primatas e Samarth começou quando a criança tinha seis meses de idade. Um grupo de macacos juntou-se em em volta do menino que estava a ser alimentado no quintal pelo pai e a partir desse dia, voltaram sempre.

Deixe uma resposta