Bolsonaristas se manifestam contra a Rede Globo

Vestindo roupas nas cores verde e amarelo e agitando bandeiras do Brasil, apoiadores do presidente Jair Bolsonaro saíram às ruas de diversas capitais em repúdio à matéria veiculada no Jornal Nacional, da TV Globo, que tentou associar o presidente à execução da vereadora Marielle Franco e o motorista Anderson Gomes.

Em Brasília, centenas de manifestantes cercaram a emissora, que chamou a Polícia Militar para desestimular qualquer tentativa de invasão. Eles gritaram xingamentos contra a emissora e palavras de apoio a Bolsonaro.

Já em Curitiba, a PM também se manteve em estado de alerta para impedir eventuais atos de violência.

A revolta dos apoiadores de Bolsonaro decorre do fato de a emissora não haver checado completamente a informação.

Procuradores do MPRJ afirmaram na coletiva que após o depoimento do porteiro as investigações concluíram que ele havia mentido.

O computador do condomínio mostra que nem sequer houve ligação do porteiro à casa 58 de Bolsonaro e sim, às 17h13, à casa 65 de Ronnie Lessa, um dos suspeitos do crime, e que foi ele quem atendeu a ligação.

Naquele mesmo dia, o então deputado Bolsonaro estava em Brasília, onde participou de duas votações e concedeu entrevistas. A Band obteve inclusive imagens de Bolsonaro circulando no plenário da Câmara.

Confira o vídeo:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *