Sargento do Exército é preso por envolvimento em latrocínio

Manaus (AM) – Nesta sexta-feira (18), o sargento do Exército, Sidney Pinto Ferreira, 30 anos, foi preso por envolvimento no latrocínio do empresário Yann Victor Fonseca Rios, 21 anos, ocorrido no dia 29 de julho deste ano no bairro Dom Pedro, zona Centro-Oeste de Manaus.

A polícia prendeu o sargento quando ele dirigia seu carro na avenida Coronel Teixeira, Ponta Negra, Zona Oeste.

O sargento teria dito para um amigo motorista de aplicativo que o empresário do ramo de confecções estava com a quantia de R$ 20 mil, e sairia com esse dinheiro na manhã do dia do crime.

O militar conhecia a rotina da família pois havia trabalhado para a família da vítima. Segundo investigadores da Polícia Civil, Paulo Tássio de Souza Picanço, 28 anos, e Eduardo Souza da Costa, 24 anos, foram até a residência, esperaram Yann e seu cunhado saírem de casa e praticaram o assalto. A dupla conseguiu roubar apenas R$ 900.

O empresário tentou reagir e foi alvejado com cinco tiros e morreu no local. Seu cunhado foi atingido, mas foi socorrido e, levado ao hospital, conseguiu sobreviver.

No dia seguinte ao crime, Paulo de Tassio foi preso. No dia 27 de agosto foi a vez da polícia prender Eduardo.

As investigações continuaram até os policiais descobrirem o envolvimento do sargento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *