Musa participa da 11ª Primavera dos Museus

MANAUS – Os museus preservam parte da história. O objetivo da Primavera dos Museus coordenada pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) é revelar estas histórias para a população, destacando e valorizando a memória institucional dos museus. Neste ano será realizada a 11ª edição e mais uma vez o Museu da Amazonia (Musa) faz parte do projeto. Para 2017 o tema é “Museus e suas memórias”.

No Museu da Amazônia serão duas atividades principais. No Musa Jardim Botânico, no bairro Cidade de Deus, a visita guiada à exposição Peixe e gente. No Musa do Largo, na Praça São Sebastião no Centro, uma mesa redonda no dia 21 de setembro. A atividade começa às 18h30 e os convidados debatem o assunto “Museus: memórias do antes contadas depois.” Confirmaram presença a historiadora e arqueóloga Tatiana Pedrosa, o arqueólogo italiano Filippo Stampanoni, a socióloga, presidente do Instituto Geográfico e Histórico do Amazonas e ex-reitora da UEA Marilene Corrêa e o antropólogo Alfredo Wagner. A coordenação dos trabalhos será do diretor do Museu da Amazônia, Ennio Candotti.

SERVIÇO

O quê?: Mesa Redonda “Museus: memórias do antes contadas depois”
Onde?: Musa do Largo -Praça São Sebastião – Rua: Costa Azevedo, 272 – Centro
Quando?: Quinta-feira (21/09) às 18h30.
O quê?: Visita guiada à exposição Peixe e gente
Onde?: Musa Jardim Botânico – Av. Margarita, s/n – Cidade de Deus
Quando?: Todos os dias (exceto quarta-feira) de 8h30 às 16h.